Ligustrum

    bonsai Ligustrum                    Origem: Autrália, Ásia e Europa.

Características: Árvore de folha semi caduca, com uma floração abundante na primavera. As flores são brancas ou amarelas, dispostas em pequenos cachos que se formam nas extremidades dos ramos. Por este motivo, deve-se tomar cuidado com as podas no início da primavera se a intenção for obter flores. Os frutos são pequenos de core roxa, azulada ou branca. Em climas frios, perde as folhas no inverno, porém em climas quentes, elas permanecem por todo o ano. Apresenta crescimento vigoroso. O Ligustrum ovalifolium é originário do Japão. O Ligustrum vulgare procede da Europa e o Ligustrum sinensis, da China. Porém os três adaptam-se perfeitamente ao nosso clima e são os mais utilizados para bonsai.

Características: Adapta-se a todas as situações, com preferência de locais mais ensolarados. Suporta bem as geadas, desde que não sejam extremamente fortes ou contínuas. Em ambiente interno, coloque-o muito próximo a uma janela com sol direto e boa ventilação.

Rega: Regue abundantemente durante o período de crescimento e mais moderadamente no inverno, procurando manter a umidade do solo, porém evitar seu encharcamento.

Adubo: No período de crescimento, na primavera e outono, podendo ser usado um adubo liquido para bonsai (Nutri bonsai). Não adube no inverno. Lembre-se de que não se deve adubar uma árvore doente ou recém transplantada. 

    Transplante: A cada dois ou três anos. Deve realizar-se no final do inverno, antes de iniciar a brotação. Procure cortar 1/3 das raízes. Tolera bem as podas das raízes.

flor do ligustrum

Poda: Para conseguir uma boa ramificação, podamos os brotos quando têm de sete a oito pares de folhas, cortando acima dos dois ou três primeiros pares. Se desejarmos modificar a formação do bonsai, devemos podar os galhos no inverno, antes da brotação da primavera, ou quando se observe um novo crescimento que venha a alterar a forma.

Limpeza: Elimine as folhas amarelas.

Dicas: Para reduzir o tamanho das folhas, deve-se desfolhar no mês de janeiro preferencialmente. Com esta operação, é preciso também cortar as pontas dos brotos, para evitar o excessivo crescimento dos galhos.

Anúncios

~ por botticell em janeiro 13, 2008.

Uma resposta to “Ligustrum”

  1. Artigo bom e completo. Ao ler o webblog fiquei a conhecer as características do Bonzai que adquiri.
    Bem haja

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: